Lei que garante direitos a advogados que tiveram filhos é sancionada
28.11.2016

O presidente Michel Temer sancionou uma lei que define alguns direitos e garantias para advogadas e advogados que tiveram ou adotaram filhos. A Lei 13.363 foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (28).

De acordo com a nova legislação, no caso de serem os únicos responsáveis por alguma causa, tanto o advogado como advogada que tiveram ou adotaram recentemente um filho poderão reivindicar suspensão de prazos processuais – no caso de mulheres, por 30 dias contados a partir do parto ou da adoção; e no dos homens, de oito dias.

A lei prevê também que gestantes passem a ter reserva de vagas na garagem dos fóruns de tribunais, acesso a creche ou a “local adequado ao atendimento das necessidades do bebê”, além de não precisarem ser submetidas a detectores de metais e aparelhos de raio X nesses locais.

Fonte: Agência Brasil


Outras publicações
Workshop de Design Thinking para o Direito
16.09.2020

A Advogada Jéssica Olenike ministrará o workshop “Design Thinking para o Direito”, no dia 21/09 (segunda-feira), às 16h. O curso…

Começa hoje (11) o Seminário Virtual do IBDPE
11.09.2020

Inicia hoje (11/09) e segue até o dia 21/09 (segunda-feira) o Seminário Virtual do Instituto Brasileiro de Direito Penal Econômico…

CNJ publica resolução sobre produção e uso de Inteligência Artificial no Poder Judiciário
09.09.2020

Mariana Seleme e Marina Haline No último dia 25 entrou em vigor a Resolução nº 332 do Conselho Nacional de…