Convênio de Cerro Azul com Estado é regularizado após recurso
31.05.2016

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) acatou recurso interposto pelo ex-secretário estadual de Educação Flávio José Arns contra o Acórdão nº 6184/15 da Primeira Câmara, que julgou irregular a conta de 2012 do convênio entre a Secretaria o Município de Cerro Azul (Região Metropolitana de Curitiba).

Com a nova decisão, o TCE-PR reformou o acórdão anterior e acatou o recurso pela regularização das contas da transferência voluntária. Também afastou a determinação de restituição parcial do montante repassado e a multa aplicada ao ex-secretário.

O motivo da desaprovação foi a existência de saldo contábil após o fim da vigência do convênio. No recurso de revista, Arns argumentou que enviou à Prefeitura de Cerro Azul ofício a fim de alertar o recolhimento dos recursos não utilizados pelo Programa Estadual de Transporte Escolar (Pete). Com isso, o município emitiu o comprovante de recolhimento do saldo que restou do transporte dos alunos da rede estadual.

Ao fundamentar seu voto, o relator do processo, conselheiro Fernando Guimarães, afirmou que a comprovação do recolhimento pela prefeitura permite a conversão do item em ressalva e o afastamento das sanções.

Na sessão do Tribunal Pleno de 28 de abril, os conselheiros acompanharam por unanimidade o voto do relator, dando provimento ao recurso. Os prazos para novo recurso passaram a contar a partir da publicação do acórdão nº 1793/16 na edição nº 1.354 do Diário Eletrônico do Tribunal (DETC), veiculada em 10 de maio no portal www.tce.pr.gov.br.

Serviço

Processo : 28089/16
Acórdão nº 1793/16 – Tribunal Pleno
Assunto: Recurso de Revista
Entidade: Secretaria de Estado da Educação
Interessados: Claudinei Braz, Dalton Luiz de Moura e Costa, Flávio José Arns, Ivete Morosov, Município de Cerro Azul, Secretaria de Estado da Educação
Relator: Conselheiro Fernando Augusto Mello Guimarães

 

Autor: Diretoria de Comunicação Social

Fonte: TCE/PR

[ssba]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Outras publicações
Negócios e Impacto: Instituto Sivis
23.11.2021

“Uma nova leitura da sociedade para um Brasil colaborativo, honesto e democrático”. Essa é a máxima do Instituto Sivis, Organização…

Advogado Marlus Arns de Oliveira foi citado como referência doutrinária em publicação do STF
19.11.2021

O Supremo Tribunal Federal (STF) editou a publicação Bibliografia, Legislação e Jurisprudência Temática sobre o tema Colaboração Premiada. O Advogado…

Advogada falará sobre Mediação e Arbitragem em evento sobre o Direito da Construção Civil
18.11.2021

A Advogada Inaiá Botelho, sócia do escritório Arns de Oliveira & Andreazza, falará sobre o tema “Mediação e Arbitragem nos…