Remuneração de dirigentes de entidades beneficentes
11.05.2017

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, óculos de sol

Nesta quarta-feira (10), o Justiça Para Todos recebeu a advogada Fernanda Andreazza, especialista em Direito Tributário e Direito do Terceiro Setor. Ela trouxe mais informações sobre a remuneração de dirigentes de entidades beneficentes – as chamadas “ONGs”. A advogada explicou os motivos históricos que levam ao desentendimento popular da possibilidade de remuneração desses funcionários. “Até hoje, existe ainda no inconsciente coletivo essa situação de proibição de remuneração de dirigentes de entidades beneficentes. Na verdade, existe um desconhecimento da situação e da própria realidade legislativa do Brasil”, comenta Fernanda. Durante a entrevista, a advogada também falou sobre as mudanças mais recentes na legislação relacionada às remunerações no terceiro setor.
Confira na íntegra: http://bit.ly/2r3UT3E

 

Fonte:  Justiça Para Todos – Programa de Rádio da Amapar


Outras publicações
As Empresas Simples de Crédito podem chegar a 300 até o final do ano
13.06.2019

A Lei que cria a Empresa Simples de Crédito (ESC) foi sancionada no fim de abril deste ano, passando a…

Advogada da Arns de Oliveira & Andreazza fala sobre direitos e deveres dos trabalhadores na rádio Amapar
10.06.2019

No final de maio a entrevistada do Programa Justiça Para Todos, foi a advogada Jéssica Olenike (Arns de Oliveira &…

Arns de Oliveira & Andreazza participa do lançamento da Comunidade B Paraná
07.06.2019

Na manhã desta sexta-feira (7) aconteceu na FIEP o evento “Negócios de impacto na prática: desafios e oportunidades”, que teve…