ESTATUTO DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA OBRIGA A CHAMADA ACESSIBILIDADE DIGITAL
14.07.2015
O estatuto da pessoa com deficiência, aprovado pela presidenta Dilma no último dia 6, obriga a acessibilidade digital no Brasil. Sites devem ter arquivos reconhecidos por leitores de tela, possibilidade de aumento de caracteres ou mudança no contraste da tela.
Paulo Lima, da Associação dos Amigos com Deficientes Visuais, diz que só um site em cada dez é acessível. Cristiano Heckert, do Ministério do Planejamento, afirma que nem todos os sites do governo são acessíveis, mas lembra que existe um modelo que deve ser seguido pelos órgãos federais.
O estatuto também obriga as emissoras de TV o uso de recursos com janela com interpretes de libras ou a audiodescrição, que é narração de todas as informações visual que não estão contidas nos diálogos das cenas audiovisuais.
Fonte: EBC

Outras publicações
Advogada Fernanda Andreazza participa de coletânea organizada pelo Instituto Legado e PUCPR indicada ao Prêmio Jabuti
09.10.2019

O livro “Empreendedorismo Social e Inovação Social no Contexto Brasileiro”, publicado pelo Instituto Legado em parceria com a PUCPR, é…

Talk Show discute as novidades da Arbitragem no Brasil
08.10.2019

Importantes nomes nacionais, que são referência no tema da Arbitragem, os advogados e árbitros Carlos Alberto Carmona, João Bosco Lee…

Considerações acerca do projeto de lei da arbitragem tributária
25.09.2019

***Inaiá Botelho Está em trâmite no Senado Federal o Projeto de Lei n.º 4257 de 2019 que visa modificar a…